Volks Extreme Performance

Que tal um kit para transformar o apático Gol 1000i em Gol 1.2? São 9cv a mais... por R$ 1.200,00

Não são poucos os proprietários que reclamam do fraco desempenho do Gol popular. Seu peso elevado faz com que o fraco motor AE-1000i, originário da Ford, que desenvolve 49cv de potência e produz 7,2kgfm de torque, seja insuficiente para vencer subidas e proporcionar ultrapassagens seguras, situação que vai ficando crítica quando se aproxima da carga máxima. É uma dificuldade fazer o carrinho andar... Levando em consideração essas deficiências do modelo original, as oficinas Afinauto e Yoshimura de São Paulo resolveram dar uma injeção de ânimo no já falecido propulsor do popular da VW. Os técnicos Milton Cozzolino e Luiz Yasuo Yoshimura e o piloto Alvino Pereira Junior elaboraram um pacote que transforma o motor de 997 cm³ em 1.196 cm³, aumentando a potência em 9cv (passa para 58cv). Mais significativo que o aumento de potência é o acréscimo no torque máximo, que passa para 10,2kgfm. Com essas características, o Gol i ganha nova vida, principalmente nas arrancadas e nas ultrapassagens. Ele se transforma em outro carro. A seriedade do trabalho de desenvolvimento permitiu, inclusive, que fossem mantidos os mesmos níveis de consumo e emissão de monóxido de carbono. O kit é composto por pistões, cilindros, jogo de juntas, jogo de bronzinas de biela, anéis e bico injetor. Os resultados positivos também são frutos da reprogramação da unidade eletrônica, adequando a mistura ar/combustível à nova capacidade cúbica do motor. Todas as peças são originais Volkswagen e Ford, oriundas de veículos equipados com o motor CHT (ou AE, nas edições mais recentes) de 1,6 litro, Embreagem, freios e câmbio, por outro lado, não sofrem modificações.

Mãos na graxa

Assim que chega à oficina, os técnicos submetem o carro a uma revisão: medem a potência no dinamômetro de rolo e aferem a compressão dos cilindros. Não há uma quilometragem definida para a transformação. Segundo Milton, o que importa são as condições gerais do veículo. O Gol 1000i 95 avaliado, por exemplo, estava com 40 mil km. Mesmo assim, a partir dos 30 mil km ele acha recomendável substituir bronzinas de biela, peças já incluídas no valor do pacote. Outras adaptações são feitas no injetor, trocando o FIC pelo Magneti Marelli, e no acerto de níveis de monóxido de carbono seguindo os padrões da Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental de São Paulo (Cetesb). Em razão do aumento da cilindrada e da taxa de compressão (passa de 9,0:1 para 10,5:1), esperaria-se detonações, por exemplo. Luiz garante, porém, que o motor não apresentará esses problemas. "Deixamos a taxa de compressão com o mesmo valor do novo motor AT-1000 do Gol MI" explica. O projeto do kit contou também com a colaboração da oficina Yoshimura, responsável pela parte eletrônica, isto é, de execução do remapeamento do Epron (centralina eletrônica que monitora a injeção e a ignição do motor do veículo).

Melhor em ultrapassagens

Apesar de a velocidade final do Gol 1200 aumentar em relação ao modelo anterior na ordem de 10 km/h (passa para cêrca de 150 km/h), a grande diferença pode ser percebida no melhor desempenho em subidas e retomadas. Afinal, a mudança significativa de torque imprime um comportamento mais ágil no trânsito. Com esse incremento de força, o motor reage mais rápido ao comando do motorista e a retomada esta garantida, mesmo que se retire o pé do acelerador e, em seguida, exija-se novamente o motor - um caso típico de ultrapassagens por caminhões em rodovias de mão dupla. Mesmo o consumo medido pelos técnicos da Yoshimura mostrou-se favorável, diante da melhora de potência e torque. Em percurso misto e transportando três pessoas, o Gol 1200 apresentou quase os mesmos níveis anteriores, em torno de 16,5 km/l. O pacote total, incluindo mão-de-obra, custa R$ 1.200, que podem ser pagos em até três parcelas. A execução do serviço demora um dia, com garantia de seis meses. A Afinauto/Yoshimura também vende o kit para oficinas e concessionárias em todo o País. Maiores informações pelo e-mail luiz@yoshimura.com.br

A receita do novo motor

 

Gol 1000

Gol 1200

Cilindrada 

997 cm³

1.196 cm³

Potência

49 cv

58 cv

Torque

7,2kgfm

10,7kgfm

Curso (pistão)

64,2 mm

64,2 mm

Diâmetro (cilindro)

70,3 mm

77 mm

Taxa de compressão

9,0:1

10,5:1

Fonte: Revista Motor Show de julho de 1997

Observação importante!

Por se tratar de uma reportagem relativamente antiga, ela se encontra desatualizada. Atualmente o kit oferecido eleva a cilindrada do motor para 1300 cm³. Com isso a potência fica na casa dos 63 cv e o torque em 11,2 kgfm, com uma taxa de compressão de 10,0:1.

Devido a quilometragem com que os carros chegam na oficina, o motor necessita de mais algumas peças e serviços.

Para maiores informações sobre o atual kit, entre em contato com Luiz Yoshimura.


   
 

 

Volks Extreme Performance - 1999/2015

Este site é mantido por entusiastas da marca VW, não possuindo
vínculo com a Volkswagen do Brasil e Volkswagen AG.